Diario Pernambucano – Falsiê, mas sem farsas.

Irmãos Marinho doam R$ 6,4 bilhões ao Criança Esperança para compensar “erro histórico” da Globo

“Desde as manifestações de junho, um coro voltou às ruas: ‘A verdade é dura, a Globo apoiou a ditadura’. De fato, trata-se de uma verdade, e, também de fato, de uma verdade dura.” Com essas palavras, o jornal O Globo iniciou o surpreendente comunicado em que admitiu o apoio dado à Ditadura Militar, a qual lançou uma sombra de 21 anos na história brasileira. Apesar do tom de arrependimento, o texto tergiversa sobre o real papel da empresa de Roberto Marinho no regime, omitindo todos os benefícios econômicos e políticos obtidos por seu fundador e caracterizando o tal apoio como simples “erro editorial”, embasado pelas melhores intenções de defender o princípio da democracia com um golpe de Estado. O esquema financeiro utilizado pelas Organizações Globo para sonegar o pagamento de impostos referentes à aquisição dos direitos de transmissão da Copa do Mundo de 2002 – pelo qual acabou autuada pela Receita Federal em R$ 615 milhões – também não foi um objeto do tal mea culpa, assim como a demagogia cotidiana do jornalismo da sua emissora e outros “erros” históricos pontuais, tal qual o tratamento dado ao movimento das Diretas ou o favorecimento a Fernando Collor na campanha presidencial de 1989.

Porém, aparentemente, o remorso a respeito de um equívoco em especial tem corroído a consciência dos herdeiros de Roberto Marinho a ponto de, nesta segunda-feira, Roberto Irineu, João Roberto e José Roberto – respectivamente, os donos das 5ª, 6ª e 7ª maiores fortunas particulares do Brasil – anunciarem a doação conjunta de R$ 6,4 bilhões à Campanha Criança Esperança. “Sabemos do tremendo mal que uma decisão recente da emissora trouxe ao país, afetando principalmente as crianças, de quem depende o nosso futuro. Esta doação deve ser vista como uma humilde tentativa de compensar o cancelamento da TV Globinho“, afirmou Roberto Irineu Marinho, presidente das Organizações Globo.

Irmãos Marinho na ocasião da entrega da doação bilionária à Campanha Criança Esperança.

Irmãos Marinho na ocasião da entrega da doação bilionária à Campanha Criança Esperança.

 

lala

Comentários

comentários

URL curta: http://www.diariopernambucano.com.br/?p=14365

Publicado por em 3 setembro 2013. Arquivado em Brasil, TV, Últimas. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

2 Comentários para “Irmãos Marinho doam R$ 6,4 bilhões ao Criança Esperança para compensar “erro histórico” da Globo”

  1. […] Irmãos Marinho doam R$ 6,4 bilhões ao Criança Esperança para compensar “erro histórico&#8… […]

Deixe uma Resposta

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Siga-nos no Twitter

Curta-nos no Facebook

Confira nosso canal no Youtube

Últimas Notícias

Imagens

Fazer login | Desenvolvido por RackTheme