Diario Pernambucano – Falsiê, mas sem farsas.

Governo do Rio divulga prisão de dois suspeitos de atirar coquetéis molotov contra PMs

Mesmo sob críticas que apontam sua inconstitucionalidade, a Comissão Especial de Investigação de Atos de Vandalismo (CEIV), criada recentemente por um decreto do governador carioca, Sérgio Cabral, já começa a apresentar resultados concretos em suas ações. No início da noite desta terça-feira, o secretário de Segurança Pública, José Mariano Beltrame, anunciou a prisão preventiva de dois suspeitos de atirar coquetéis molotovs contra o Batalhão de Choque.

“No primeiro dia do Papa no Brasil, a nação inteira testemunhou as cenas de violência e terror que tomaram conta das ruas do Rio de Janeiro. Todo nosso aparato estava preparado para atuar efetivamente na prisão e na investigação de atos de vandalismo. Entretanto, as apurações iniciais feitas pela Polícia Civil, baseadas em diversos registros das manifestações, nos deixaram em estado de extrema perplexidade quando indicaram o envolvimento de dois oficiais da própria PM nos atentados praticados contra os militares que faziam a segurança dos atos”, declarou Beltrame. De acordo com o secretário, ambos serão indiciados pela Corregedoria Geral da PM por tentativa de homicídio, formação de quadrilha e – obviamente – vandalismo. Apesar de detalhes mais precisos das investigações não terem sido revelados, tudo indica que os policiais são os mesmos identificados como infiltrados nos vídeos abaixo.


lala

Comentários

comentários

URL curta: http://www.diariopernambucano.com.br/?p=14152

Publicado por em 23 julho 2013. Arquivado em Brasil, Policial, Política. Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta entrada através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta, ou trackbacks a esta entrada

Deixe uma Resposta

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Siga-nos no Twitter

Curta-nos no Facebook

Confira nosso canal no Youtube

Últimas Notícias

Imagens

Fazer login | Desenvolvido por RackTheme